Home / Destaque / Bombeiros combatem incêndios em Aperibé, Pádua e São Fidélis

Bombeiros combatem incêndios em Aperibé, Pádua e São Fidélis

A situação dos incêndios em vegetação continua se agravando na região. São mais de três meses sem chuva volumosa. Nesta terça-feira (10), bombeiros combatiam a grandes incêndios em Aperibé, Santo Antônio de Pádua e São Fidélis.

Em Aperibé, apesar da área não ser tão grande, as chamas chegaram até uma casa e ameaçaram a vida de moradores na localidade da Serrinha. Os bombeiros do quartel de Itaocara conseguiram resgatar, sem ferimentos, os dois homens que residem no imóvel. Os militares também combateram as chamas e evitaram que o fogo destruísse a casa, que foi preservada.

Em Pádua, as chamas atingiram uma grande área de vegetação e se aproximaram de casas no bairro Divineia, na saída para São José de Ubá. O quartel do Corpo de Bombeiros evitou que as chamas chegassem aos imóveis. O incêndio ainda atingia a parte mais alta do morro, mas em uma área de difícil acesso.

Em São Fidélis, uma força-tarefa foi montada para tentar extinguir um grande incêndio que atinge há vários dias uma área de preservação ambiental próxima ao Parque Estadual do Desengano. A ação envolve 20 bombeiros de dois quartéis da região. Até um helicóptero do CBMERJ está sendo usado no combate ao fogo. Servidores da Prefeitura de São Fidélis também atuam no local.

“Vamos fazer amanhã o relatório. O fogo ainda persiste apesar dos esforços de todos os envolvidos. O apoio com o helicóptero do Corpo de Bombeiros está sendo fundamental. As áreas atingidas são grandes, sem possibilidade de mencionar [o número de hectares queimados] no momento.”, comentou Jamilton Serpa, Secretário de Defesa Civil de São Fidélis.

Itaocara em alerta máximo

O município de Itaocara entrou em alerta máximo por conta do risco muito alto de grandes incêndios florestais. No distrito de Laranjais, um dos mais afetados, 27 hectares foram atingidos pelas chamas na semana passada. Desde ontem, a Serra do Engenho arde em chamas, mas os bombeiros não conseguiram chegar no local exato do incêndio, por ser uma área de difícil acesso.

Miracema com 100 focos registrados

Em Miracema, a Defesa Civil permanece em estado de alerta para risco médio de incêndios florestais. Foram registrados 100 focos apenas em 2019. O número é 100% maior que o registrado em 2017, quando decretou estado de emergência.

Da redação da 96.9 FM – Fonte: Folha Itaocarense

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*