Home / Destaque / Mulher morta em Miracema foi enterrada em dois lugares diferentes; ouça

Mulher morta em Miracema foi enterrada em dois lugares diferentes; ouça

Chegou ao fim o caso da dona de casa Franciane Moisés Pedro, de 27 anos, desaparecida desde o último dia 03 de setembro em Miracema. Na manhã desta sexta-feira (25), a equipe da 137ª Delegacia comandada pelo delegado Gésner César Bruno, encontrou sua ossada enterrada em uma mata na área rural, distante cerca de 15 quilômetros da cidade, já próximo da divisa com Minas Gerais. O corpo seguiu para o IML de Itaperuna, que deverá estabelecer as circunstâncias do homicídio.

Antes, os agentes haviam realizado por dois dias consecutivos, escavações no quintal da casa em que ela morava com o companheiro, que é investigado por suposto envolvimento no crime.

Ainda de acordo Gésner, que concedeu entrevista ao jornalista Vanderson Garcia, a principal linha de investigação é de que o companheiro tenha sepultado o corpo em um beco da própria residência e o transferido para a área rural, na madrugada seguinte ao seu depoimento. No imóvel, na Rua Jandir Alvim Braga, no bairro Viradouro os policiais identificaram forte odor similar a carne decomposta, além de uma toalha com vestígios de sangue e mechas de megahair, que podem ser da vítima. O material será enviado ao Rio de Janeiro, onde deve passar por exame de DNA.

O suspeito se encontra em local incerto e segundo a Polícia Civil, não tem colaborado com as investigações.

Ouça a entrevista abaixo:

Da redação da 96.9 FM com informações da Rádio Natividade

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*