Home / Destaque / Apagão provoca caos no trânsito e prejuízos em municípios da região

Apagão provoca caos no trânsito e prejuízos em municípios da região

Uma sequência de desarmes em linha de transmissão e falha na subestação campista de Furnas deixou todo o Noroeste e parte do Norte Fluminense sem luz por até 12 horas. O fornecimento de energia foi interrompido pela primeira vez às 15h01 desta quinta-feira, 30. Somente às 3h15 desta sexta-feira (31) que o fornecimento foi totalmente restabelecido.

Em Itaperuna, a energia caiu às 15h01, voltou às 15h05 e caiu novamente por volta das 15h19, retornando apenas depois das 20h.

Lojas fecharam mais cedo e comerciantes relatam prejuízos por conta do dia de trabalho perdido. Ninguém conseguia trabalhar sem luz e em meio ao calor de 35°C que fazia na tarde de ontem. O trânsito se tornou mais perigoso, com mais gente nas ruas circulando e semáforos sem funcionar.

A falta de energia também comprometeu o abastecimento de água em toda a região. A Cedae chegou a emitir uma nota pedindo que os moradores poupassem o consumo de água. O fornecimento foi normalizado horas depois.

De acordo com a Enel, concessionária de energia que atende a região, dois desarmes simultâneos ocorreram na linha de transmissão Italva/Usina de Campos. O primeiro desarme automático foi solucionado em quatro minutos. Já o segundo desarme causou o apagão que durou várias horas. Quando o fornecimento começava a ser restabelecido, “uma falha em equipamento da subestação de Furnas em Campos afetou a linha de alta tensão que abastece os clientes da Região Noroeste do Estado”.

Ainda segundo a Enel, é direito do cliente que teve equipamentos que foram danificados pela rede elétrica solicitar o ressarcimento. O cliente tem 90 dias da ocorrência para solicitar a análise do seu caso.

Da redação da 96.9 FM – Fonte: Folha Itaocarense

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*