Home / Destaque / Governadores criticam Bolsonaro e falam em impeachment do presidente

Governadores criticam Bolsonaro e falam em impeachment do presidente

Governadores ficaram perplexos com o pronunciamento de Jair Bolsonaro, que classificou o coronavírus como uma “gripezinha“. Eles pedem também a saída do ministro da Saúde, Luiz Mandetta.

Para o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso , se Bolsonaro “não calar estará preparando o fim” – Foto: Isac Nóbrega/PR

Vários governadores criticaram o pronunciamento de Jair Bolsonaro em rede nacional, na noite desta terça, 24. Eles afirmam também que o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, perdeu legitimidade.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), afirmou que a fala indica que “estamos sem direção”. “Desconectado da realidade, desconectado da ação do Ministério da Saúde, atrapalha o trabalho dos governadores e menospreza os efeitos da pandemia”, afirmou. “Os governadores precisam se reunir, estamos sem coordenação. O ministro e os governadores de um lado e o presidente menosprezando a pandemia de outro”, disse.”

Até o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso largou seu costumeiro tom moderado após o discurso desastroso do presidente. Para ele, se Bolsonaro “não calar estará preparando o fim. E é melhor o dele que de todo o povo. Melhor é que se emende e cale”, tuitou.

FHC disse ainda que não pretendia voltar ao tema, mas, segundo ele, “o presidente repetiu opiniões desastradas sobre a pandemia. O momento é grave, não cabe politizar, mas opor-se aos infectologistas passa dos limites”.

Veja mais:

Fala de Bolsonaro sobre o coronavírus gera repúdio no Congresso

Veja também:

Autoridades no RJ reagem a pronunciamento de Bolsonaro que critica ‘confinamento em massa’

Rádio Itaperuna 96.9 FM

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*