Home / Destaque / Em novo decreto, prefeitura de Natividade proíbe o funcionamento de bares

Em novo decreto, prefeitura de Natividade proíbe o funcionamento de bares

Feira está liberada provisoriamente. Restaurantes e lanchonetes estão limitados a abrir as portas de 09 às 22h, com capacidade máxima de 30%.


Em caso de descumprimento das medidas previstas, o infrator sofrerá as penalidades – Foto: Rádio Natividade

Em mais um decreto, a Prefeitura de Natividade voltou a se manifestar sobre o funcionamento do comércio do município, que registrou esta semana, dois casos positivo do novo coronavírus. No documento, o prefeito Severiano Rezende, proibiu o atendimento presencial, de bares, treilers, “botequins” e similares, que só poderão atender através do sistema delivery. Restaurantes e lanchonetes estão limitados a abrir as portas de 09 às 22h, com capacidade máxima de 30%.

Lojas de produtos não essenciais deverão operar de 09h às 14h, enquanto os segmentos de farmácia, drogaria, supermercado, mercearia, hortifruti, material de construção, padaria, pet shop, açougue, oficina mecânica, posto de combustível, distribuidor de gás e água, laboratório de análises clínicas e consultório médico/odontológico, não sofreram restrições. A vedação a feira que funciona no Centro da cidade, foi retirada e comércio e passou a ser liberada de forma “experimental” e provisória.

No documento, o executivo afirma, que em caso de descumprimento das medidas previstas, o infrator sofrerá as penalidades, previstas na Lei Municipal nº 268/2003: advertência, cancelamento de alvará de autorização sanitária, interdição do estabelecimento, cumulados com multa de 06 UFINATs (R$ 663,72) que será cobrada em dobro no caso de reincidência.

Rádio Itaperuna 96.9 FM – Fonte: Rádio Natividade

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*