Home / Destaque / Fiocruz confirma febre amarela em macaco de Macaé

Fiocruz confirma febre amarela em macaco de Macaé

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) emitiu laudo positivo para febre amarela para a amostra de material coletado de macaco bugio encontrado morto na mata adjacente ao Parque Atalaia, em Macaé, no dia 4 de abril. A informação foi passada pela própria Prefeitura de Macaé. O Ministério da Saúde já confirmou mais doenças mortes por causa da doença no Brasil, de dezembro de 2016 até a última quinta-feira.

De acordo com nota oficial, o Parque Atalaia permanece fechado, desde março, quando o primeiro caso de febre amarela foi anunciado em Casimiro de Abreu. A equipe de vacinação da Prefeitura de Macaé intensificou atuação na serra, sobretudo nos arredores do parque.

Uma equipe do Laboratório de Mosquitos Transmissores de Hematozoários da Fiocruz também realizou um trabalho no Parque Atalaia a fim de identificar e capturar mosquitos Haemagogus e Sabethes, vetores da doença.

A vacinação em Macaé já superou a marca de 164 mil imunizações. Quem ainda precisar ser imunizado contra a febre amarela deve procurar o posto da Estratégia Saúde da Família (ESF) mais próximo de sua residência para realização de cadastro. No caso de não haver uma ESF perto de casa, procurar a Casa da Vacina.

Dados – No total, o Ministério da Saúde contabilizou 604 casos de febre amarela no país, sendo 202 mortes. No estado do Rio, a secretaria estadual de Saúde confirmou 10 casos da doença, sendo 1 óbito. A maioria dos casos foi registrada em Casimiro de Abreu.

Por Folha 1

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*