Home / Destaque / Cadastramento biométrico obrigatório chega a mais 17 municípios este mês

Cadastramento biométrico obrigatório chega a mais 17 municípios este mês

Nesta sexta-feira (2), 16 municípios, incluindo Magé, começaram a realizar o cadastramento biométrico obrigatório (revisão eleitoral) no estado do Rio. Contando com São João de Meriti, cujo procedimento inicia-se no próximo dia 12, e as demais cidades que começaram em junho, são 35 municípios com biometria obrigatória este ano. Ao todo mais de 800 mil eleitores precisam fazer a biometria até dezembro, caso contrário terão o título cancelado. A lista das cidades com o prazo do procedimento obrigatório e os eleitorados total e biometrizado pode ser consultada na tabela abaixo. 
 
Para o eleitor saber se os dados biométricos estão cadastrados na Justiça Eleitoral, foi  disponibilizada uma ferramenta de consulta no site do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ). Estão dispensados de realizar o procedimento os eleitores que tiveram a biometria validada nas urnas nas últimas eleições, graças à incorporação dos dados biométricos do Detran-RJ ao cadastro eleitoral. O mesmo vale para aqueles que já fizeram a coleta biométrica na Justiça Eleitoral.
 
Consequências para quem não fizer a biometria
 
O eleitor que não fizer o cadastramento biométrico nos municípios onde o procedimento é obrigatório ficará impedido de votar, de receber benefícios sociais, como o Bolsa Família, de obter passaporte, de ser empossado em cargo público ou de renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo. Também pode gerar dificuldades para obter empréstimos em bancos oficiais e participar de concorrência pública ou administrativa.
 
Novos postos de atendimento
 
Nos municípios do estado que não possuem cartório eleitoral, foi instalado posto de atendimento ao eleitor. São eles: Comendador Levy Gasparian, Macuco, Varre-Sai, Santa Maria Madalena, Laje do Muriaé e Carapebus. Os postos começam a funcionar nesta sexta-feira (2). Além disso, nos municípios de Magé e São João de Meriti, que já contam com cartórios próprios, também foi criado novo posto de atendimento, para conseguir realizar o cadastramento biométrico de todos os eleitores até o final do prazo, em 1º de dezembro. Os novos locais de atendimento começam a funcionar em 2 de agosto em Magé e em 12 do mesmo mês em São João de Meriti. Para mais informações, o eleitor deve acessar www.tre-rj.jus.br/biometria.
 
Na Capital e demais municípios fluminenses, o cadastramento atualmente não é obrigatório, mas a Justiça Eleitoral recomenda que os eleitores façam a biometria o quanto antes, para evitar filas no futuro. Para fazer a biometria, o eleitor deve agendar pelo site do TRE-RJ ou pelo telefone (21) 3436-9000. No momento do atendimento, é preciso levar documento de identificação oficial com foto, comprovante de residência (até três meses de emissão) e o título de eleitor (caso possua). 
 
Relação do eleitorado com período da cadastramento obrigatório por município 
 
Município Eleitorado total Eleitorado com biometria % Período do cadastramento obrigatório
Arraial do Cabo 29.997 18.175 60,59% 5/6/2019 a 1/12/2019
Bom Jesus do Itabapoana 29.372 12.782 43,52% 17/6/2019 a 1/12/2019
Cambuci 12.144 7.648 62,98% 5/6/2019 a 22/9/2019
Cantagalo 15.957 9.842 61,68% 5/6/2019 a 22/9/2019
Carapebus 11.753 4.626 39,36% 2/8/2019 a 1/12/2019
Cardoso Moreira 11.372 4.370 38,43% 2/8/2019 a 1/12/2019
Carmo 14.348 10.296 71,76% 5/6/2019 a 22/9/2019
Comendador Levy Gasparian 7.578 3.499 46,17% 2/8/2019 a 1/12/2019
Conceição de Macabu 17.253 9.151 53,04% 5/6/2019 a 22/9/2019
Cordeiro 16.449 6.756 41,07% 2/8/2019 a 1/12/2019
Duque de Caxias 630.675 341.866 54,21% 5/6/2019 a 1/12/2019
Engenheiro Paulo de Frontin 10.582 5.276 49,86% 5/6/2019 a 22/9/2019
Iguaba Grande 23.251 12.658 54,44% 2/8/2019 a 1/12/2019
Italva 11.013 4.278 38,85% 2/8/2019 a 1/12/2019
Itaocara 19.217 13.235 68,87% 5/6/2019 a 1/12/2019
Laje do Muriaé 7.179 2.622 36,52% 2/8/2019 a 1/12/2019
Macuco 6.897 2.615 37,92% 2/8/2019 a 1/12/2019
Magé 180.541 88.254 48,88% 2/8/2019 a 1/12/2019
Mendes 15.259 6.520 42,73% 5/6/2019 a 1/12/2019
Miracema 21.987 12.934 58,83% 2/8/2019 a 1/12/2019
Natividade 12.183 6.205 50,93% 2/8/2019 a 1/12/2019
Porciúncula 13.946 6.579 47,17% 17/6/2019 a 1/12/2019
Porto Real 16.920 6.049 35,75% 2/8/2019 a 1/12/2019
Quatis 10.215 3.798 37,18% 2/8/2019 a 1/12/2019
Quissamã 17.669 11.147 63,09% 2/8/2019 a 1/12/2019
Rio Claro 15.275 5.780 37,84% 5/6/2019 a 1/12/2019
Santa Maria Madalena 8.391 3.014 35,92% 2/8/2019 a 1/12/2019
São Fidélis 30.509 16.423 53,83% 17/6/2019 a 1/12/2019
São João de Meriti 362.862 174.662 48,13% 12/8/2019 a 1/12/2019
São José do Vale do Rio Preto 16.107 8.784 54,54% 17/6/2019 a 1/12/2019
Sapucaia 16.278 8.153 50,09% 5/6/2019 a 22/9/2019
Silva Jardim 18.534 7.817 42,18% 5/6/2019 a 1/12/2019
Sumidouro 13.798 6.848 49,63% 5/6/2019 a 22/9/2019
Varre-Sai 7.976 3.624 45,44% 2/8/2019 a 1/12/2019
Vassouras 29.789 19.289 64,75% 17/6/2019 a 1/12/2019

 

 

Da redação da Rádio Itaperuna 96.9 FM – Fonte: Seção de Jornalismo do TRE-RJ

DEIXE UMA RESPOSTA

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

*