De acordo com Adriano Rodrigues, coordenador da CVAS, o trabalho realizado nas escolas municipais tem sido muito bem recebido por alunos e professores

Equipe da Secretaria de Saúde de Itaperuna realiza ação educativa na Escola Santa Paz

Em Itaperuna, RJ, a equipe de Educação em Saúde, vinculada à Coordenação de Vigilância Ambiental em Saúde (CVAS) continua realizando trabalhos e ações em escolas do município. Desta vez, a equipe esteve na Escola Municipal Santa Paz, no distrito de Raposo.

Nos últimos meses a equipe já esteve na Escola Municipal Nossa Senhora das Graças, trabalhando com alunos do Ensino Fundamental II; Escola Municipal José de Paula Nogueira; além de ter realizado ações na Escola Municipal Dr. Auto de Oliveira Pinto, Escola Municipal Lincoln Barbosa de Castro, Escola Municipal Sítio São Benedito; dentre outras unidades escolares.

Em Raposo, a equipe da CVAS realizou palestra e distribuição de material informativo, além de bate papo com os alunos sobre como evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue chikungunya e zika.

De acordo com Adriano Rodrigues, coordenador da CVAS, o trabalho realizado nas escolas municipais tem sido muito bem recebido por alunos e professores.

“Esse trabalho realizado nas escolas do município tem sido muito bem recebido pelos nossos professores e alunos. Quanto mais essa informação chegar nas escolas, mais temos chances de multiplicar a forma de combate ao mosquito Aedes aegypti. As crianças e os adolescentes costumam falar para os pais, responsáveis, vizinhos e familiares sobre as atividades desenvolvidas na escola. Fazer com que essa informação chegue ao maior número possível de pessoas, é muito importante”, reforça Adriano.

O combate ao mosquito precisa ser uma luta de todos os cidadãos! Uma simples vistoria no próprio quintal é muito importante. Por isso, o ideal é que cada um, faça a sua parte nesta luta contra o mosquito.

Tampe as caixas d’água; mantenha as calhas sempre limpas; deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo; mantenha as lixeiras tampadas; deixe ralos limpos e com aplicação de tela; limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia; limpe com escova ou bucha, os potes de água para animais; dentre outras ações. Assim sendo, a população estará nos ajudando a combater o mosquito.

Para outras informações, solicitação de atendimento específico, dentre outras questões relacionadas ao setor, dirija-se à Vigilância Ambiental em Saúde (Casa Verde), situada na Rua Júlio César, 99, Centro (em cima da Farmacinha do SUS). O e-mail do setor – cvasitaperuna@gmail.com – é outra forma de contato. Você ainda pode se dirigir à UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua residência e relatar algum problema ao agente comunitário de saúde, que ele passará a informação à Coordenação da Vigilância Ambiental em Saúde.

Fonte: Ascom

Fotos

Outras Notícias

Cofre com R$ 25 mil é furtado de estabelecimento comercial em Itaperuna

Um estabelecimento comercial localizado na Rua José Alves Cardoso, bairro Cehab, foi alvo de furto. Na manhã desta qu...

Homem morre em Itaperuna depois de cair da laje de casa

Antônio de Oliveira Souza, 52 anos, morreu na tarde desta terça-feira, 17, Hospital São José do Avaí, Itaperuna, onde...

Empresa de GO assumirá laticínio de Itaperuna que decretou falência

A Laticínios Marília, com sede em Itaperuna, teve seu plano de recuperação judicial aprovado no início do mês. A deci...

Itaperuna registra 48 casos positivos de covid-19

De acordo com o último Boletim Epidemiológico de Itaperuna, entre os dias 08 e 14 de maio, foram realizados 353 teste...